Paula Castanheira: Creme de abóbora Hokkaido

Talvez fugido, talvez envergonhado, talvez disfarçado não sabemos. O certo é que o nosso sempre, desejado verão, tem-se feito muito difícil. O azul do céu deixou-se pintar de cinzento. Sem dúvida, que sem ele, o rei Sol, sentimo-nos com menos energia. O seu poder encantatório é vital para todos os …