Mãos que Mimam: Vamos fazer o que ainda não foi feito?

Não gosto que chova no molhado e ponto final! Não falta quem fale do vírus, sem que atrás dele venha um chorrilho de lamurias e queixas e tal, que estamos fartos de estar casa, que já não se aguenta, que fazer aos dias, que outrora eram alegres e livres? Acredito …

Mãos que Mimam: Marcadores para livros em croché

Um livro é companheiro, é janela para outras vidas, umas reais, outras ficcionadas, outras ainda, mesclas impercetíveis de fatos e fantasias. Que procuramos neles? Momentos de descontração, talvez argumentos para nos abstrairmos, para refletirmos… Vidas sem livros, assemelho-as a jardins sem flores, a Romeus sem Julietas. Aquele momento em que …

Mãos que Mimam: Vamos às compras?

Para uns, um mal necessário, para outros, um prazer! Seja atrás de um computador, ou de um balcão, adquirir algo, implica dinheiro, já sabemos. É assim, a sociedade em que vivemos. Durante muitos séculos só existiam trocas diretas. Cada um trocava o excedente da sua produção, por bens que eram …

Mãos que Mimam: O Natal que sai das nossas mãos!

Que o artesanato é terapia, sem efeitos secundários, é verdade que não contesto. Momentos tão nossos, descobertas incríveis, sobre o que somos, sobre o que conseguimos. Tenta-se, falha-se, volta a tentar-se… é assim que somos na vida. A nossa marca está em cada pequeno gesto, em cada palavra, em cada …

Mãos que Mimam: Olha a sardinha vivinha da costa!

Trapos, trapinhos. Coser, chulear, alinhavar… Alfinetes, agulhas, linhas, moldes… Quem não tem em casa, pedaços de tecidos? E um botão solteiro? Porque não pegar nestes restos, para lhes dar nova oportunidade? Executar trabalhos com as nossas mãos, é uma terapia fabulosa. Esquecemos preocupações e acrescentamos doses consideráveis, de bem-estar à …