Mãos que Mimam: Olha a sardinha vivinha da costa!

Trapos, trapinhos. Coser, chulear, alinhavar… Alfinetes, agulhas, linhas, moldes… Quem não tem em casa, pedaços de tecidos? E um botão solteiro? Porque não pegar nestes restos, para lhes dar nova oportunidade? Executar trabalhos com as nossas mãos, é uma terapia fabulosa. Esquecemos preocupações e acrescentamos doses consideráveis, de bem-estar à …