Mãos que mimam: Água Floral

Já sabemos que a natureza é fantástica. Então porque não aprendermos com Ela a simplicidade e descomplicamos?

Se merecemos o melhor, porquê insistir em produtos de higiene, carregados de ingredientes desconhecidos? Porquê continuar a usar químicos na nossa pele?

Temos tantas alternativas!

Saudáveis, económicas e tão simples.

Muitas coisas que tenho aprendido, quero partilhar com vocês. Hoje vamos preparar, de uma
forma muito caseira, uma água floral ou hidrolato.

Esta água, pode ser usada como um tónico de limpeza para a pele, como hidratante, ou como fase aquosa, na preparação dos nossos cremes. É antisséptica, anti-inflamatória e previne o envelhecimento.

Vamos fazer de forma muito simples a destilação de pétalas de rosa. A água que vai resultar, terá pequenas partículas de óleos essenciais da planta.

Sendo um processo natural, o produto resultante, tem um prazo de validade muito curto, por isso, ou se consome rapidamente, mantendo-se no frigorífico por 2 semanas, ou se congela em pequenas doses, para posterior consumo.

Os ingredientes são pétalas de rosa e água destilada, na proporção de 1 para 3. Podem usar-se pétalas de outras flores e outras plantas, secas ou frescas.

Cuidados a ter:

  • Usar plantas que não tenham estado expostas a qualquer tipo de químico.
  • Desinfetar com álcool, os recipientes onde vão guardar a água floral.

Material

Panela de inox com pega de inox (não pode ser de plástico)

Recipiente de pirex resistente ao calor

Papel de alumínio

Gelo

Frasco pulverizador, esterilizado

Preparação

No fundo da panela, coloca-se o recipiente de pirex no centro, à volta a água e as pétalas.

A tampa é colocada de forma invertida. Desta maneira a pega fica virada para dentro. Veda-se a panela, com papel de aluminio e leva-se ao lume, que deve ser muito brando.

Sobre a tampa da panela invertida, colocam-se pedras de gelo dentro de um saco, que vão ajudar no processo de condensação.

O gelo deve ser substituído à medida que vai derretendo.

Terão de aguardar uns 40 minutos.

No pirex ficará a nossa rica água de rosas. Depois de arrefecer, transfiram-na para os recipientes selecionados, mas não se esqueçam, tudo esterilizado!

A minha água ficou maravilhosa, com um aroma suave. Na próxima vou experimentar fazer hidrolato de lavanda.

Mimem-se!

Eu disse. Mais simples não há 🙂

 

 

 

 

 

 

 

 

Paula Cristina Castanheira

Sê o primeiro dos teus amigos a partilhar esta página!
  • 10
  •  
  •  
  •