A Minha Casa e Eu: Como poupar centenas de Euros?

A Minha Casa e Eu: Como poupar centenas de Euros?

Quer poupar centenas de euros da próxima vez que tiver de escolher um eletrodoméstico? Se sim, é só fazer contas!

Da próxima vez que tiver de escolher um eletrodoméstico, leve consigo uma calculadora, e antes de sair de casa, faça duas coisas:

  • Consulte a sua fatura de Luz e confirme quando paga por kw.
  • Pense antecipadamente qual é o valor máximo que pode despender para o equipamento que vai comprar. Caso opte por um crédito, estabeleça qual é o valor máximo mensal de que consegue suportar.

Ao percorrer os corredores de linhas de grandes domésticos com uma infinidade de modelos, o nosso primeiro instinto é fixar o olhar e a atenção nos que nos parecem mais bonitos ou que ficam melhor na nossa cozinha, e só depois, num segundo momento, passamos a prestar atenção à Etiqueta Energética. E é aqui que pode começar a confusão.

Consumo Anual em Kwh.
Fig. 1 – Consumo Anual em Kwh.

Para o comum dos mortais, A+, A++ e A+++ nada dizem de concreto, a não ser de nos passar a ideia que quanto mais ”+” tiver, menor será o seu consumo.
Acontece que, estes “A+” são na realidade uma “soma” de fatores que não só o seu consumo energético. Por isso, a sugestão é focarmo-nos no que realmente interessa… Consumo Anual em Kwh. (Fig. 1)

Para ser mais fácil, vamos pegar no exemplo de um frigorífico (ou um combinado), que é um aparelho que está 24 sobre 24h ligado. Olhando para os consumos anuais de cada um, multiplique pelo custo do seu Kw. (Fig. 2 e Fig. 3)

Fig. 2 – Exemplo de custo do Kw.
Fig. 3 – Exemplo de custo do Kw.

Multiplique por 5, imaginando que o combinado que está a comprar durará 5 anos (sem precisar de assistências técnicas).
Compensa a diferença de preço entre eles?

Mais umas dicas:

  • (ao contrário do que vem indicado em sites de ”referência”) acreditem que um frigorífico cheio consome menos energia que um vazio.
  • Independentemente da Etiqueta Energética, à que levar em conta que um frigorífico ventilado mantêm os alimentos frescos por muito mais tempo que um modelo estático, evitando consideravelmente o desperdício quer de frescos quer de alimentos cozinhados.
  • Os congeladores que não sejam NoFrost, devem ser descongelados com frequência. Assim que o gelo se acumula, torna-se muito menos eficiente e consome muito mais energia.
  • Caso o seu aparelho de frio tenha uma grelha na parte traseira, aspire-a com frequência.

Comprem bem, e Vivam a cores!😉❤

Spread the love
0