É a tua Primeira Vez? :)

​E porque estamos em Setembro um mês de recomeços lembrei me de te questionar sobre algo extremamente importante​ 🙂
Será que não tens nada realmente importante que nunca tenhas feito uma única vez e que seja para ti a primeira vez?

Não sei se tiveste oportunidade de ler o último artigo, “Setembro | ReComeçar” (segue o link, se ainda não leste).

Neste artigo falamos em dar o primeiro passo para a mudança, mas como em tantas coisas na Vida Mudança parece ser uma palavra grande ás vezes só de a ouvirmos parece que vamos ser abatidos por um tornado, eu própria ao longo da vida senti-me atingida por diversos tornados a que se chamavam mudanças e nessas alturas em vez de seguirmos o ciclo normal ou seja o da mudança na maioria das vezes refugiamo-nos com medo do que nos possam fazer ou na tentaiva de fugir à dor.

Mas afinal que dor pode vir com a mudança depende da forma como a encaras. Uma mudança será sempre um momento de transformação e crescimento, e nesse momento há que abraçá-la, pois tudo o que não vemos, mas poderá advir daí, só poderá ser excelente, pois é sem dúvida um momento de evolução pessoal.

Vamos ao que te interessa e que me trouxe até ti hoje 🙂 Quando falamos de dar um passo, ou de pequenas mudanças, falamos daquelas coisas também que nunca experimentaste e que para ti serão uma primeira vez.
São experiências que te trazem alegria, adrenalina, e não interessa qual o resultado final, interessa sim a barreira que ultrapassaste para as fazer.

E muitas vezes existe a questão “e porque não as fizemos há mais tempo” ou “porque não estamos a fazê-las?” ​Deixa-me dar-te um conjunto de respostas que pode bem ir ao teu encontro:
– Devia ter feito isso quando era criança agora parece mal,
– O que vão os outros pensar,
– Agora sou mãe e isso não me fica bem,

Na maior parte das vezes, todos os travões das tuas experiências são sempre os outros, e nunca TU, mas sim a tua expectactiva sobre o que os outros vão achar.
Outras vezes está relacionado com a questão monetária, mas porque é que tem de ser a primeira vez para algo que te custa tanto monetariamente será que não existe algo que te deixaria feliz e por pouco? De certo que sim.

Partilho contigo que sempre que decido experimentar algo novo, algo que me apeteça que vá ao encontro dos meus gostos. Não tem de ser nada doloroso, sendo que no fim pode me ter trazido muita alegria e noutras vezes, apenas a experiência de o ter feito e poder dizer se gostei ou não.

Estas férias decidi visitar um sitio novo, e ao regressar decidi que ia adquirir novas competências que há muito desejava na área do desenvolvimento pessoal. Parece uma coisa simples, não parece? De facto, é, mas esta última adiei até sentir que a “experiência da 1ª vez” valeria muito mais do que a inércia de não ter tentado.

E tu costumas ter muitas experiências de 1ª vez?
Qual vai ser a próxima?

Até já. Bons ReComeços e Boas Experiências.

Vanda Santos

Sê o primeiro dos teus amigos a partilhar esta página!
  • 9
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.